quinta-feira, 25 de março de 2010

Apresentação do livro Luiz Goes - O Neo-Modernismo na Canção de Coimbra ou o Advento da Escola Goesiana
2010-03-27 a 2010-03-27 . Cultura

Autoria: Jorge Cravo.

Edição: MinervaCoimbra com o apoio da C.M. Cascais, Turismo de Coimbra e Redes Energéticas Nacionais.

Ideologicamente a partir da escola modernista de Edmundo de Bettencourt, Luiz Goes encetou uma renovação na canção de Coimbra que o elevou à posição de legítimo sucessor daquele poeta-cantor presencista na afirmação de uma nova canção de Coimbra.

Apresentação: Prof. Doutor Luís Reis Torgal.

Intervenção do poeta Carlos Carranca e momento musical com a interpretação de fados de Coimbra.

Informações pelo tel.: 214815930.
Espaço Memória dos Exílios
às 15h30

Espaço Memória dos Exílios
Av. Marginal, 7152-A
2765-247 Estoril
1º piso do Edifício da Estação dos CTT
Tel.: 214815930/09
E-mail: eme@cm-cascais.pt

Não podemos faltar a esta memorável apresentação de um Livro sobre o Luiz Goes, da autoria de uma das personalidades mais marcantes da vida académica coimbrã e um dos expoentes máximos da música de Matriz Coimbrã - o Dr. Jorge Cravo. Desde jovem que o Jorge Cravo foi um dos grandes intérpretes da Música de Coimbra, nos seus diversos aspectos, dono de uma voz excepcional, com um timbre notável e uma extensão invulgar, tornando-se, depois, um poeta e um compositor de grande qualidade, com duas características fundamentais, que o colocam a par das grandes figuras da Música de Coimbra - a exigência poética e a inovação musical. Sobre Luiz Goes está tudo dito, pelo que, para não cairmos em repetições, diremos apenas que, em nossa opinião ele é a maior personalidade da Música de Matriz Coimbrã como intérprete, como compositor e como poeta, senhor de uma sensibilidade fora do comum, com apurado gosto musical, exigente para consigo próprio e para com os acompanhantes, o Amigo sempre presente que pauta a sua Vida pelo princípio da Amizade actuante, solidário de todas as causas sociais e o Académico indefectível e sempre disponível para tudo o que diga respeito a Coimbra, mas muito especialmente para os seus Estudantes Cultores da sua Música, que, aliás, retribuem com uma profunda dedicação para com aquele que eles respeitam como seu paradigma.
"Tito" Costa Santos

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial