domingo, 10 de maio de 2009

Do Blog de Carlos Carranca, http://www.ccarranca.blogspot.com/ , retirámos este convite para o lançamento do livro de Carlos Couceiro, "Memórias".
*
A Escola Superior de Educação Almeida Garrett, a Associação dos Antigos Estudantes de Coimbra em Lisboa, o Autor e as Edições MinervaCoimbra convidam para o lançamento do livro "MEMÓRIAS", de Carlos Couceiro.
A apresentação será feita por José Henrique Dias e Carlos Carranca.
A sessão realiza-se no próximo dia 14 de Maio, pelas 18h30, na Escola Superior de Educação Almeida Garrett, Palácio de Santa Helena (Largo do Sequeira n.º 7, Alfama), em Lisboa.
Na mesma ocasião estará também disponível, agora com chancela das Edições MinervaCoimbra, a 5.ª Edição do livro "FÁBULAS DO TEMPO PRESENTE… E DO TEMPO FUTURO", do mesmo autor e com ilustrações de Frederico Sá Pinto, João Sousa Marques e Vasco San Payo.
Carlos Alberto Martins Couceiro nasceu no Lobito, Angola, a 03 de Janeiro de 1930. Aí estudou até aos 15 anos, vindo depois para Coimbra, sua terra de adopção e que tão vincadamente o marcou, onde concluiu o liceu (D. João III). Surgem então as primeiras poesias, tão de braço dado com a guitarra e os desportos. Faz os Preparatórios de Engenharia e transita de seguida para o Porto onde conclui o Curso de Engenharia Civil. Uma breve passagem por Lisboa – onde continua a viver com a madrugada – e depois o almejado regresso a Angola.Em 1974 volta a Lisboa onde toma base para circular pela Arábia Saudita, pelos Emiratos Árabes, pela Líbia e por Angola. Ainda no Liceu obtém, em poesia, uma Menção Honrosa nos Jogos Florais da Queima das Fitas da Universidade de Coimbra. Já em Angola são-lhe conferidos, por diversas vezes, Prémios e Menções Honrosas nos Jogos Florais do C. F. B. e nos Jogos Florais Luso-Brasileiros da C.U.F. Vive no intervalo das horas. E quanto, assim!, desleixa de vocação poética e desaproveita de natural intuição para as Matemáticas Superiores. E quantos poemas ficados em apontamentos perdidos ou na memória que acabou por esquecê-los!… Está com Bertrand Russel na sua lógica matemática, no seu socialismo humanista, na sua filosofia dos temas simples, no seu agnosticismo. Apoia a sua inserção social na Tolerância, na Bondade, na Verdade e na Justiça, de onde recolhe Amigos de todos os quadrantes sociais, políticos e religiosos. Tem como principais passatempos os desportos, a guitarra e a poesia.

Etiquetas:

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial